Acesso Antecipado, Ato 2

Omnis, Nosferatu indecifrável da Primigênie, conseguiu chegar em segurança ao Elísio. Com sua presença, estaremos mais bem capacitados para compreender a magnitude da nossa situação.

Mas, acima de tudo, Omnis traz ótimas notícias sobre o nosso Príncipe! Sua investigação aponta que o Príncipe Markus conseguiu chegar são e salvo a um lugar na Cidade Velha, presumidamente em um local seguro e desconhecido.

Pelo que eu entendi, um Entardecido ajudou Omnis com suas investigações. Tenho bastante interesse em saber mais sobre esse investigador e os detalhes do que ele descobriu, mesmo que seu Sangue seja fraco.

No Elísio, estamos lentamente começando a nos estabelecer. Maia e Kirill estão brigando para decidir qual será o uso do antigo salão do Príncipe Carlak. Omnis e outros Nosferatu começaram a instalar seus equipamentos no porão, pelo que me disseram. E digo isso porque, embora eu seja o Zelador, um antigo acordo me impede de entrar no domínio deles sem ser convidado.

Em Praga, as forças da Entidade ainda estão avançando, mas pelo menos isso significa que temos acesso ao Rudolfinum agora. No entanto, a julgar pelos boatos que ouvi, tenho medo do que estará à nossa espera quando colocarmos os pés nesse antigo refúgio comunitário dos Toreador.

Toda essa desordem me fez pensar no velho poema do Morro da Forca. Para mim, a poesia fala de manter a calma, deixar as coisas seguirem seu ritmo e não agir erraticamente. Será que Kirill, Maia e Omnis ainda se lembram dos versos? A situação nos demanda lembrar.

– Diário pessoal de Custos

Participe da Caçada

Entre no jogo

É necessário ter uma conexão de internet estável e contas da Sharkmob e do Steam. Restrições etárias se aplicam. Inclui microtransações no jogo.